03/09/2014

Da última leitura....


“E não há maneira de escapar à violência da tempestade, a essa tempestade metafísica, simbólica. Não te iludas: por mais metafísica e simbólica que seja, rasgar-te-á a carne como mil navalhas de barba. O sangue de muita gente correrá, e o teu juntamente com ele. Um sangue vermelho, quente. Ficarás com as mãos cheias de sangue, do teu sangue e do sangue dos outros. E quando a tempestade tiver passado, mal te lembrarás de ter conseguido atravessá-la, de ter conseguido sobreviver. Nem sequer terás a certeza de a tormenta ter realmente chegado ao fim. Mas uma coisa é certa. Quando saíres da tempestade já não serás a mesma pessoa. Só assim as tempestades fazem sentido.”

"Sou livre. Fecho os olhos e penso com toda a minha força na minha nova condição, ainda que não esteja bem certo do que significa. Tudo o que sei é que estou completamente sozinho. Desterrado numa terra desconhecida, como um explorador solitário sem bússola nem mapa. Será isto a liberdade? Não sei, confesso, e às tantas desisto de pensar nisso."

Haruki Murakami, in 'Kafka à Beira-Mar'




02/09/2014

Addicted to..



Água de colónia - Victoria's Secret Angel 
Carteira/Mala - Michael Kors Selma
Sapatos - Jessica Simpson

07/01/2014

Vestidos de Noiva by Rosa Clará


Eu sei que temos por aí pelo menos 2 seguidoras que vão casar e por isso lembrei-me de partilhar convosco estes vestidos de noiva da Rosa Clará coleção 2014. Não sei qual gosto mais. Qual o vosso preferido? Há mais noivinhas por aí? 
Vejam mais vestidos aqui.








06/01/2014

Love Gold & You?


Saldos na Zara Home
Deixo umas sugestões de peças para os dourados. 
Deixo também uma dica, se estão cansada de um móvel, experimentem a trocar os puxadores... fica logo com um aspecto diferente! Vejam na Zara Home que eles têm imensos puxadores giríssimos!!!

02/01/2014

Excelente 2014 - Poema de Drummond

Primeiro post de 2014!!!
Aqui deixo os meus votos para todos vocês.... 
Faço das palavras "dele" as minhas palavras:


"Quem teve a idéia de cortar o tempo em fatias, a que se deu o nome de ano, foi um indivíduo genial.
Industrializou a esperança fazendo-a funcionar no limite da exaustão.
Doze meses dão para qualquer ser humano se cansar e entregar os pontos.
Aí entra o milagre da renovação e tudo começa outra vez
com outro número e outra vontade de acreditar que daqui para adiante vai ser diferente...

Para você, Desejo o sonho realizado.
O amor esperado. A esperança renovada.
Para você, Desejo todas as cores desta vida.
Todas as alegrias que puder sorrir.
Todas as músicas que puder emocionar.

Para você neste novo ano,
desejo que os amigos sejam mais cúmplices,
que sua família esteja mais unida,
que sua vida seja mais bem vivida.

Gostaria de lhe desejar tantas coisas...
Mas nada seria suficiente...
Então, desejo apenas que você tenha muitos desejos.
Desejos grandes...
e que eles possam te mover a cada minuto,
no rumo da sua FELICIDADE!!!"


Carlos Drummond de Andrade